batida leve seguro

10 Dicas para pagar menos seguro (carro)

10 Dicas para reduzir preço do seguro são dicas que valem para qualquer carro e pessoa, entenda como é calculado o seguro para conseguir reduzir seu valor.

 

batida leve seguro

 

Para conseguir fazer um seguro barato é preciso entender um pouco como é calculado, e depois optar por um seguro mais completo ou mais básico, de acordo com a necessidade de cada pessoa.

 

Outro ponto que deve ter em mente é que muitos opcionais do seguro você deve escolher pensando da seguinte forma, vou bater ? ou estou fazendo o seguro apenas para uma segurança extra e creio que não vou bater de forma alguma.

 

É claro que ninguém sabe quando vai bater ou não mas um exemplo desse pensamento é receber valor de 110% da tabela fipe, esse opcional é de quem aposta que vai bater, porque paga mais caro no seguro para receber além do valor do carro caso bata.

 

Para quem aposta que não vai bater, utilize 100% da tabela FIPE, o seguro fica mais barato e o segurado ganha o valor justo do carro.

 

É bom lembrar também que muitos desses opcionais nem tão desejados os segurados nem sabem que tem e o corretor malandro adicionou para ganhar mais.

 

Nesse caso a melhor coisa a fazer é conversar com o corretor e pressionar dizendo que não aceita renovar nessas condições e precisa reduzir o valor, ai entra com o questionamento dos itens abaixo que vai reduzir significativamente o preço do seguro.

 

Vamos entender então quais pontos são levados em conta para que o valor do seguro seja calculado e ver quais podemos modificar para que o valor caia.

 

Veículo

O carro é um dos principais componentes do preço do seguro, e dentro do quesito carro ainda temos outras variáveis que afetam e muito o valor do seguro, como:
Marca, Existem marcas mais visadas para roubo e outras com valor de manutenção mais caro, então essas marcas sempre pagam mais seguro.
Modelo, Existem modelos que compartilham peças com outros carros e são muito visados para roubo e alguns modelos também tipicamente comprado por jovens que acontecem mais acidentes, esses modelos tem seguro mais caro.
Ano, quanto mais velho o carro mais caro o seguro, a maioria das seguradoras não fazem seguro para carros com mais de 10 anos ou o seguro seria por ano mais caro que o valor do carro o que torna completamente inviável.
Valor, o valor do veículo é um grande fator, pois veículos mais caros tem peças de reposição mais caras.
Blindagem, o carros blindados pagam valor mais alto de seguro.
Esportivos, carros esportivos também pagam um seguro mais alto.
Alarme, se o carro possuir alarme o preço do seguro é menor.
Localizador, carros com localizador também pagam menos pelo seguro.
Outros itens de segurança, existem outros itens de segurança que ajudam reduzir o preço do seguro, veja se compensa colocar pelo valor economizado.

 

golf seguro caro

Condutor

 

O perfil do condutor é outro fator que é muito levado em conta, o que influência é principalmente a idade, condutores entre 18 a 25 anos pagam mais caro pois é uma faixa etária que tem mais acidentes, o sexo e estado civil também é levado em conta.
Dentro de condutores ainda tem os condutores extras, se só você dirige o carro o preço é menor, se mais gente dirige, o preço muda

 

Ex: quem tem mais de 25 anos mas seu irmão também dirige o carro e tem 21 anos, o valor do seguro vai subir, se for filho, a partir de 16 anos já tem adicional no valor pois tem risco do filho pegar o carro sem sua autorização.

Endereço de casa e do trabalho

 

O endereço da sua casa altera o valor do seguro, em regiões mais “perigosas” onde há mais roubos o valor do seguro sobe, é também levado em conta se possui garagem ou não.

 

Locais com garagem particular o preço é menor, o mesmo valor para o trabalho, é levado em conta a região do trabalho se é de “risco” ou não e onde deixa estacionado o carro, se é na rua ou em garagem.
A cidade também é um fator, geralmente cidades grandes pagam mais caro pelo valor do seguro, pelo maior risco de roubo e também de acidente.

Seguradora

 

É claro que o preço varia de seguradora para seguradora, porem se forem contratos idênticos em seguradoras diferentes não é o lucro de cada seguradora que diferencia o preço, muitas oferecem serviços de conveniência para os clientes para que o serviço seja visto de melhor qualidade e o cliente pague mais, por ex: algumas oferecem manutenção do carro.

Fidelidade e histórico do cliente

 

A grande maioria das seguradoras oferecem desconto para cada ano que o cliente passa sem nenhuma ocorrência, o chamado bônus, é analisado o histórico do cliente também, se já ocorreu algum sinistro por exemplo.

Serviços extras e comodidades

 

Extras, algumas seguradoras oferecem “mimos” para os clientes, mas cuidado esse tipo de agrado é cobrado e muitas vezes sai caro, chaveiros, eletricistas, técnicos de informática, encanador, todos esses serviços são uma espécie de seguro para casa simples agregado ao seguro do carro.
Carro extra, em apólices que oferece carro substituto em caso de ficar sem carro o preço do seguro sobe.
Guincho, o serviço de guincho é básico geralmente mas a distância que ele é válido pode alterar o preço também.

Valores no contrato

 

Valor do seguro contra terceiros, em caso de sua culpa e ter que pagar o carro do outro, esse valor pode variar bastante de R$ 20.000,00 até R$ 200.000,00 (ou mais) e isso influência no valor do seguro, questione o corretor e escolha um valor que seja mais adequado para você.
Valor em caso de perca total, alguns seguros tem opção de pagar 110% da tabela Fipe, o normal seria 100% e isso aumenta o valor do seguro.
Valor da franquia, outro fator que altera bastante o valor da apólice é a franquia, no caso se ser reduzida sobe portanto simule os diversos valores para ter uma ideia do valor final do seguro.

 

batida perca total seguro

 

10 dicas para que sua renovação do seguro seja bem mais barata:

 

Existe a opção de no caso de perca total ou roubo o seguro pague 110% da tabela file e não os 100%, escolha os 100% pois se optar por 110% está pagando mais e apostando que vai bater para lucrar 10% do valor do seu carro com a batida.

 

2. Danos a terceiros

Olhe o quanto o seguro cobre para danos em terceiros, não escolha valores muito alto, algum valor perto de R$ 30.000,00 e 40.000,00 é suficiente para a maioria das ocorrências e isso reduz o preço do seguro.

 

3. Franquia

A franquia reduzida não é uma boa opção se você não bater o carro, portanto se você faz seguro para proteger seu patrimônio escolha a franquia normal, que fica bem mais barato e está seguro contra maiores perdas, como roubo e perca total.

 

4. Escolha da seguradora (bônus)

É muito importante a escolha da segura, pois após escolher o melhor é ficar fiel a ela por anos para conseguir o bônus por não ter tido ocorrência seja acumulado, el alguns casos chega a 30% de desconto o que é bastante significativo.

 

5. Serviços extras

Veja quais itens extras seu seguro possui, alguns podem ser muito exagerado, como por exemplo guincho em todo Brasil, muitas vezes o usuário nem viaja e está pagando esse serviço, também veja sobre carro substituto e quantos dias ele fica disponível, se realmente vale pagar por isso.

 

6. Escolha do carro

Como já vimos na introdução a escolha do carro influência muito o valor do seguro, então quando for trocar ligue para seu corretor e pergunte o valor dos 2 carros que está em dúvida para comprar, pode ter uma boa diferença no preço dos seguros e ser um fator de escolha do carro.

 

7. Instalar alarme e rastreador

Carros que possuem alarme e rastreador pagam menos seguro, então consulte o preço desses itens de segurança e o quanto eles reduzem no valor do seguro, muitas vezes o valor investido é pago em 2 ou 3 anos de preço do seguro reduzido.

 

8. Corretor

Procure se informar com seu corretor, a melhor pessoa para reduzir o preço é ele, só que geralmente ele não quer reduzir porque é onde ele ganha, então tem que fazer pressão, abre o jogo e fala desses pontos no contrato, diz que precisa reduzir de qualquer jeito e pede informação desses detalhes e pedi para modificar ou então procure outro.

 

9. Instalar outros itens de segurança

Existem outros itens de segurança que também reduzir o preço, procure informações direto com o corretor para que ele informe sobre esses itens e veja o preço se compensa fazer a instalação.

 

10. Mimos

Questione o preço desses mimos que está “recebendo” e veja se utilizou ele nos últimos anos e se vale mesmo o preço que está pagando por eles, para a maioria das pessoas não vale o preço pago.